O projeto arquitetônico é uma atividade técnica de criação, pela qual é concebida uma obra de arquitetura. O pode ser uma representação gráfica ou escrita, com características autorais e autonomia disciplinar, ou seja, necessariamente precede toda construção.
Projetos complementares são os projetos técnicos que se integram ao projeto arquitetônico e que o completam. … Nos projetos complementares, todos os elementos são previamente dimensionados, especificados e compatibilizados.
projeto de arquitetura de interiores nada mais é que um conjunto de normas que envolvem fatores como ergonomia, luminotécnica, acústica e térmica, a serem implantados no interior de ambientes residenciais, comerciais ou corporativos, de acordo com as necessidades do espaço e das pessoas que irão compor esse espaço.
O projeto paisagístico consiste na arte e técnica de transformar a paisagem de espaços internos e externos, promovendo uma composição harmoniosa da vegetação com demais elementos da natureza e elementos introduzidos pelo homem.
Uma edificação não legalizada pode sofrer fiscalizações da prefeitura e outros órgãos regulamentadores a qualquer momento, e o proprietário ser notificado, multado e até mesmo passar por uma interdição temporária ou definitiva em caso de edificações com uso comercial.
A fiscalização de obras como o próprio nome diz, consiste em fiscalizar todas as etapas de uma construção, desde o projeto à execução, cuidando para que sejam atendidos os prazos e custos previstos no período de elaboração e comunicado caso ocorram inconformidades durante o processo.
Gerenciar uma obra significa administrar, simultaneamente, o cumprimento do cronograma e a previsão financeira, gerindo profissionais com formações e comportamentos diversificados. Caso isso não ocorra, poderá haver inúmeras perdas, tanto no aspecto financeiro quanto no emocional, comprometendo a qualidade e o tempo.
A importância de um projeto urbanístico. … Assim sendo, torna-se importante o papel do urbanista a fim de propor e sanar medidas que façam da cidade um local comum a todos, mas com bem-estar aos seus habitantes.
A averbação de um imóvel é a formalização de todas as alterações realizadas em seu registro, ou seja, pode ser entendido como um histórico de todas as mudanças feitas em um imóvel ou mudanças de proprietário.
Educação ambiental tem o poder de transformar o mundo! E construir e implantar processos que sejam sustentáveis e ambientalmente corretos faz parte da nossa responsabilidade e comprometimento com o nosso planeta.